FRASE DO DIA

Estou aqui para mostrar que nós vamos continuar de cabeça erguida, de mãos limpas, esse foi o jeito que eu escolhi de fazer política, e ninguém, nenhum vagabundo tipo o Alexandrino, vai inventar mentira sobre a minha vida pública.

(Deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) sobre o delator da Odebrecht Alexandrino Alencar)

Comentar

 

Os estudantes de Medicina da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), campus da cidade de Caxias, receberam a grata notícia dada pelo senador Roberto Rocha (PSB), na tarde desta quinta-feira, 16.

O senador comunicou à comunidade acadêmica que o viabilizou emenda no valor de 1 milhão de reais para equipar o ambulatório da faculdade. Entre falas de agradecimentos, aplausos e elogios dos estudantes, professores e servidores, o que fica registrado é a imagem acima da mais pura expressão da alegria.

É isso aí!


Nosso amigo, parceiro, simpático e muito comunicativo, o radialista Osvaldo Souza e Silva, carinhosamente conhecido como “Osvaldo Mandou Legal’, atravessa um momento difícil na sua vida em razão de um câncer que na garganta.

Osvaldo conseguiu tratamento em cidade de Imperatriz, onde se encontra desde esta terça-feira, 7.

A seguir a imagem com dados bancários para quem puder ajudar com qualquer quantia no tratamento desde grande comunicador e homem da cultura popular maranhense. E também o vídeo onde “Mandou Legal” fala sobre a sua situação.


E enviaram para o Blog do Robert Lobato mais uma “Facecacetada” do médico Yglésio Moyses.

Desta vez, o nosso simpático “Dr. Maluqinho” usou a rede social do Facebook para fazer piadinha, em forma uma poesia macabra, com a morte do ministro Teori Zavaski, ocorrida na tarde desta quinta-feira, 19, depois da queda de um avião no litoral do estado do Rio de Janeiro. Confira:

Que tal?

Eu só acho que se o “Dr. Maluquinho” tivesse que viver de poesia correria o risco de morrer fome. #SóAcho

É a segunda vez que “Dr. Maluquinho” aparece na coluna Imagem do Dia do Blog do Robert Lobato.

Na terceira já poderá pedir música no Fantástico.


Meus amigos, o processo de “cupinização” da cidade de São José de Ribamar ganhou uma dimensão até aqui inimaginável!

Um leitor ribamarense enviou, ao Blog do Robert Lobato, uma foto que teria sido tirada na fábrica de gelo do município logo nos primeiros dias de gestão do prefeito Luis Fernando (PSDB).

Trata-se de uma barra de gelo que deu… cupim. Isso mesmo!

Nunca se viu antes cupim dar em gelo, mas na administração do ex-prefeito Gil Cutrim (PDT) isso foi possível.

Veja a seguir imagem impressionante do “Icecupim” ou “Cupim de Gelo”, espécie somente encontrada na cidade de São José de Ribamar, mas que, felizmente, já está com os seus dias contados.


A vereadora eleita pelo município de Dom Pedro, Fernanda Valéria de Sousa Silva (PDT), foi devidamente diplomada nesta quinta-feira, 15.

A loiraça concorreu ao cargo com o nome político de Fernanda Hortegal fazendo uso do número 12222.

Fernanda ganhou notoriedade após aparecer em blogs e nas redes sociais esbanjando sua especialidade em beijo grego, que é aquele carinho pra lá de íntimo que a pessoa dá na ‘retaguarda’ do parceiro ou parceira (saiba mais sobre a técnica do beijo grego aqui).

O Blog do Robert Lobato deseja sucesso para Fernando Hortegal no exercício do seu mandato de vereadora.


É de lascar ver petistas, por exemplo, comemorar quando um tucano é citado pela Lava Jato como se dissessem: “Nós operamos caixa 2, mas os tucanos também”. Ou: “Nossos companheiros estão presos por corrupção, mas os tucanos também devem ir para a cadeia”

Que a Operação Lava Jato é um mal necessário isso já sabermos.

E que, se por um lado ela coloca a vagabundagem que devora o país através da corrupção na cadeia, e por outro compromete o PIB do país, também já está claro para todos.

Agora, o que a Lava Jato tem feito, além de tudo o que já fez no campo judiciário e policial, foi colocar o Brasil numa encruzilhada política. Explico.

A operação tem deixado o país politicamente esquizofrênico. Tanto a esquerda quanto a direita não sabem direito se amam ou ideiam a Lava Jato.

Ela, a Lava Jato, promoveu uma corrida na maluca entre as forças esquerdistas e direitista para saber quem é menos corrupto, quem tem menos envolvidos em corrupção, quem tem menos caciques presos lá para as bandas de Curitiba etc.

Se é verdade que o PT e o PMDB estão na topo do ranking dos presidiários e/ou indiciados pela Lava Jato, não é menos verdade que isso deve-se à condução caolha da operação por parte do juiz Sérgio Moro, que já mostrou ser uma espécie de filiado de honra do PSDB mesmo que não tenha assinado (ainda) a ficha de afiliação tucana.

Entretanto, é de lascar ver petistas, por exemplo, comemorar quando um tucano é citado pela Lava Jato como se dissessem: “Nós operamos caixa 2, mas os tucanos também”. Ou: “Nossos companheiros estão presos por corrupção, mas os tucanos também devem ir para a cadeia”. E por aí vai.

Pior é em relação à imprensa “golpista”.

A Veja e a Globo, odiadas pela esquerda (e com razão), às vezes têm machetes viralizadas por notórios militantes e dirigente da esquerda nacional quando “batem” em algum ilustre personagem da direita e/ou do tucanato.

Ou seja, a mesma imprensa “golpista” que destroça com o PT, Lula, Dilma e a esquerda em geral, momentaneamente vira heroína quando se volta contra a a direita em alguns casos. É uma coisa de louco!

O fato é que a Lava Jato colou todo mundo no mesmo balaio quando o assunto é corrupção, propina, caixa 2, maracutaias, entre outras estripulias com o dinheiro público.

A coisa ficou tão esdrúxula que em 2018 as propostas dos candidatos a presidente, senador, deputados etc, se já não são levadas a sério atualmente, tendem a ser menos ainda, pois o grande mérito dos pretendentes a representantes do povo nas próximas eleições será dizer: “Não estou na Lava Jato”.

Durma-se com um barulho desse…

PS: O Blog do Robert Lobato volta com novas postagens somente amanhã. Um ótimo e abençoado sábado a todos.


Na imagem acima, o senador Roberto Rocha (PSB) aparece ladeado pelo presidente Michel Temer (PMDB) e os ministros Bruno Araújo (Cidades), à esquerda; e Helder Barbalho (Integração Nacional), à direita.

A fotografia foi tirada na tarde desta sexta-feira, após cumprimento de extensa agenda oficial pela Região Nordeste na qual o senador maranhense foi convidado pelo presidente Temer. 

A presença de Roberto Rocha não é pouca coisa uma vez  que foram anunciados, pelo presidente da República, vários investimento na região e alguns deles com reflexos diretos no Maranhão como é o caso das ações do Banco do Nordeste.

Portanto, mais do que uma simples fotografia, trata-se, em verdade, da nova imagem que o nosso estado está consolidando no âmbito do poder central da República.

Enfim, é a hora e vez do Maranhão.


Pesquisa do Instituto Ibope divulgada nesta sexta-feira, 14, no JMTV-2ª edição, da TV Mirante, confirma tendência de crescimento já registrada pelo Instituto Escutec e aponta o candidato do PMN com oito pontos à frente do atual prefeito Edivaldo Júnior (PDT). De acordo com o levantamento, Braide tem 51% das intenções de votos, contra 43% de Edivaldo.

Pesquisa do Instituto Ibope divulgada nesta sexta-feira, 14, no JMTV-2ª edição, da TV Mirante, confirma tendência de crescimento já registrada pelo Instituto Escutec e aponta o candidato do PMN com oito pontos à frente do atual prefeito Edivaldo Júnior (PDT). De acordo com o levantamento, Braide tem 51% das intenções de votos, contra 43% de Edivaldo. O cerco se fecha e São Luis caminha para manter a fama de “Ilha Rebelde” e não eleger candidato apoiado pelo Palácio dos Leões e também não reeleger prefeito que não cumpre compromissos de campanha;


O PSD, PSB, PV e PHS fecharam apoio a pré-candidatura de Wellington do Curso (PP) à Prefeitura de São Luís. Formada após forte articulação do presidente estadual do PP, deputado federal licenciado André Fufuca, a coligação garante mais de dois minutos de tempo de propaganda ao pré-candidato progressista, duração suficiente para fazer um programa que consiga passar alguma mensagem ao eleitor. O PP vai oficializar a candidatura de Wellington à prefeitura da capital nesta sexta-feira 5, em convenção a partir das 16 horas no Auditório Fernando Falcão, localizado no prédio da Assembleia Legislativa do .

O PP, PSD, PSB, e PHS fecharam acordo entorno do projeto Wellington do Curso prefeito 11. O acerto entre os quatro partidos teve participação ativa do presidente estadual do PP deputado federal Andre André Fufuca, do presidente municipal do PSB, vereador Roberto Rocha Júnior, e do senador Roberto Rocha; A coligação garantirá mais de dois minutos de tempo de propaganda ao candidato do PP. Ainda é possível contar com o PV do ministro Sarney Filho para fortalecer ainda mais a candidatura de Wellinton a prefeito de São Luis.